Paraty e outras paradas

Acabei de voltar de lá. Que cidadezinha charmosa. Nunca fui em uma FLIP (falta de planejamento, não de vontade), mas deu pra entender porque uma Feira de Livros poderia acontecer lá. É tudo literário demais. E ando afastada dos blogs (de todos), sei, sei disso.

Já disse que a ideia nunca foi ser lida, né? Que meus blogs são mais pra botar de dentro pra fora com ordem e método. Mas, caso alguém ainda passe por aqui, fica a desculpa. Sei que estou em dívida. Então passo as boas novas: os escritos vão indo. Comprei um notebook e tenho esperança de que isso me motive ainda mais a escrever (livro em mãos sem precisar de pendrive ou de lembrar onde foi que parei, pra escrever a mão), e minha mais recente medida pra me inspirar é ler livros meio diário de escritores.

Comprei um desses do Graciliano Ramos, sem querer. O sujeito é chato, mas a experiência é boa. Acabei de ler hoje. Mas o melhor desses é o Dicas úteis para uma vida fútil, do Mark Twain. É praticamente um blog desse autor norteamericano mal-bem-humorado. Fica a dica. 🙂

Anúncios

One thought on “Paraty e outras paradas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: